Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Viajante de fraldas

Blog sobre viagens com crianças, actividades, psicologia infantil e muito mais.

Viajante de fraldas

Blog sobre viagens com crianças, actividades, psicologia infantil e muito mais.

Zaanse Schans onde moinhos e tamancos se transformam em história viva.

13.02.18 | Viajante de fraldas

IMG_1023.JPG

 

A nossa ideia inicial era sair de Sófia, na Bulgária e ir até Eindhoven e ficar a explorar aquela cidade, mas depois começamos a elaborar o nosso roteiro e chegamos à conclusão que Eindhoven não seria muito interessante para o Rafael. Em todas as viagens que fazemos temos a preocupação de fazem com que sejam interessantes e atractivas para o Rafael, mas esta teria que ser um pouco mais pois ele iria celebrar o seu 2º aniversário naquele país. Os voos já estavam comprados para Eindhoven por isso tivemos que reorganizar o nosso roteiro a partir de lá! Como as nossas viagens são totalmente planeadas e organizadas por nós, temos a liberdade de mudar de planos quando quisermos e foi isso mesmo que fizemos. Alugamos um carro pela Rentalcars.com, e seguimos directos de Eindhoven para Zaanse Schans.

Devido a esse contratempo confesso que no início estava com o coração apertado, no primeiro aniversario do Rafael fizemos uma festa linda em Portugal junto da família e amigos, para este segundo aniversário optámos por passar longe da família e amigos mas fazer algo que adoramos, que é viajar, mas queríamos que fosse igualmente especial para o Rafael, mas estava receosa que não tivéssemos feito a escolha acertada… felizmente correu tudo bem e o nosso Rafael adorou e teve um aniversário maravilhoso.

 

Zaanse Schans

 

Zaanse Schans, a famosa vila dos moinhos encontra-se a 22 Km de Amsterdão na cidade de Zaandam. Foi a primeira zona industrial na Holanda, no século XVII mais de 600 moinhos de vento foram construídos naquela área. Tinham como função moer especiarias, produzir tinta, cortar madeira, fazer óleo entre outras funções.

Nos anos 70, resolveram juntar casas típicas mais alguns moinhos de vento num único lugar.

E é simplesmente lindo! Muitos dizem que aquilo é como um cenário, porque foi construído para aquele efeito, mas para nós isso não teve qualquer importância, não nos sentimos como tivéssemos num cenário mas sim num lugar mágico.

Logo na entrada, temos o  Zaans Museum, um museu que conta a história de Zaanse Schans, a sua importância na “Holanda industrial” .

 

IMG_1029

 

Depois de sairmos do museu atravessamos uma ponte de madeira e entramos numa outra dimensão, casinhas de madeira encantadoras que abrigam algumas lojas e pequenos museus temáticos, alguns pagos e outros gratuitos.
Cada uma delas é única, mas algumas são mais especiais porque mexem com o nosso imaginário da Holanda, como a fábrica de queijos, a loja de tamancos de madeira, lojas de chocolates ou das famosas panquecas e  stroopwafels.

 

IMG_1109.JPG

 

IMG_1110.JPG

 

IMG_1034.JPG

 

IMG_1035.JPG

 

 

img_1131.jpg

img_1137.jpg

img_1145.jpg

 

IMG_1130.JPG

 

IMG_1129.JPG

 

IMG_1125.JPG

 

img_1051.jpg

 

img_1052.jpg

 

img_1062.jpg

 

img_1114.jpg

 

img_1115.jpg

 

img_1116.jpg

 

img_1118.jpg

 

img_1119.jpg

 

img_1120.jpg

 

img_1121.jpg

 

img_1123.jpg

 

IMG_1049.JPG

 

IMG_1048.JPG

 

IMG_1047.JPG

 

IMG_1046.JPG

 

IMG_1040.JPG

 

IMG_1039.JPG

Mas é inevitável o nosso olhar não recair para os moinhos. No total, são 11 moinhos, sendo que 6 ficam abertos para o público.

img_1077.jpg

 

img_1078.jpg

 

 

 

IMG_1026.JPG

 

IMG_1032.JPG

 

IMG_1087.JPG

 

IMG_1096.JPG

IMG_1103.JPG

 

IMG_1105.JPG

IMG_1037.JPG

 

IMG_1063.JPG

IMG_1072.JPG

 

IMG_1092.JPG

 

 

IMG_1026.JPG

IMG_1032.JPG

 

Zaanse Schans com suas casas tradicionais, moinhos de vento e fábricas transportam-nos  para uma perspectiva de como era viver na Holanda nos séculos XVIII e XIX.

 

Como Chegar

Autocarro

A linha de autocarro 391 da empresa Connexxion sai da Estação Central de Amsterdão a cada quinze minutos para a parada do Zaanse Schans. A viagem dura quarenta minutos. Para mais informações consulte www.bus391.nl.

Comboio

A estação ferroviária mais próxima se chama Zaandijk – Zaanse Schans. A partir da Estação Central de Amsterdão a viagem dura aproximadamente 17 minutos.

Carro

Utilize o seguinte endereço no GPS: Schansend 7 em Zaandam. O estacionamento é pago, fica a 10 € por dia.

 

Zaanse Schans card

Se pretender visitar os museus, moinhos e fábricas, o Zaanse Schans Card pode ser vantajoso. Ele é válido todos os dias e oferece-lhe :

  • Entrada gratuita ao “Zaans Museum”
  • Entrada gratuita à Casa do Tecelão (“Wevershuis”)
  • Entrada gratuita à Casa do Tanoeiro (“Kuiperij”)
  • Entrada gratuita a um moinho da sua escolha, moinhos adicionais 50% de desconto. Você pode escolher entre: moinho de tinta “De Kat”, moinho de serraria “Het Jonge Schaap” ou moinho de óleo “De Zoeker”.
  • Entrada gratuita ao museu “Zaanse Tijd”
  • 30% de desconto à entrada ao “Honig Breethuis” e Museu do moinho “Molenmuseum”
  • 10% de desconto em lojas de souvenirs e restaurantes e cafés.
  • Desconto sobre o estacionamento no Zaanse Schans

Custos:
€ 15,- adultos
€ 10,00 crianças (>4-7 anos)

Onde pode compra ?
Pode adquiri-lo no centro de informações no “Zaans Museum”, junto  ao museu “Zaanse Tijd” na entrada no Kalverringdijk ou Casa do Tecelão (“Wevershuis”).

IMG_1024.JPG

 

 Deixem-se encantar por esta vila mágica e boa viagem!